Mário de Sá-Carneiro

26 de abril de 2018

Mário de Sá-Carneiro nasceu em Lisboa em 19/5/1890 e suicidou-se em Paris, em 26/4/1916. Embora tenha-se matriculado na Faculdade de Direitos de Coimbra e, mais tarde, na Universidade Sorbonne, não conclui nenhum dos dois cursos. Em 1908 colabora com pequenos contos, na revista Azulejos. Torna-se amigo de Fernando Pessoa com quem funda a revista literária Orpheu. É considerado um dos mais difíceis e originais autores do movimento modernista português. Deixou a Fernando Pessoa a indicação de publicar a obra que dele houvesse, onde, quando e como melhor lhe parecesse.